Have yourself a merry little christmas!


Véspera de Natal... Como esquecer as manhãs na casa da minha avó, na preparação do Natal? De arrumar a árvore, ver o meu avô calculando o volume de todos os presentes para então encontrar a área correta de papel de presente para evitar o desperdício (sério), pedir para a minha tia fazer touca no meu cabelo (sério também. Para você que é da geração chapinha, touca era prender o cabelo com grampos e colocar num tipo de chapéu de meia, e rezar para alisar), contrabandear as notas fiscais com minha priminha para vermos o que íamos ganhar dos nossos avós, de ver o Titio fantasiado de Papai Noel, de brincar, de detestar peru (hoje em dia, por outro lado...), de trocar presentes, de ganhar presentes, de acordar no dia seguinte 5 horas da manhã só para poder brincar!

O tempo passa tão rápido :\
Aproveitem a noite de hoje, se empanturre de peru, ponha o papo em dia com seus primos, ame os seus tios, agradeça aos seus pais e celebre a existência dos seus avós na sua vida. Principalmente as suas vovós! É isso :)

Feliz Natal :D

365 dias de Fofura!

2011 se aproxima cada vez mais, e nesta época do ano a gente começa a pensar no que fez ou deixou de fazer. Eu sou profissional em me propor metas mirabolantes, das quais eu cumpro 1/8. E também começa aquele momento de reflexão, de lembrar do ano que passou (voando como sempre. Aliás, ontem era o reveillón de 2008-2009)... Os empregos, a faculdade, os amigos, os amores. Nem sempre tudo sai como a gente quer... Mas sempre temos que olhar pro ano que vem com otimismo!

E quer ajuda melhor do que ter um armário cheio de fofuras da Alice Disse? É praticamente O Segredo aplicado: seja linda usando Alice Disse que coisas lindas acontecerão com você! HAHAHA! Não, mas sério: não é só mais um sorteio de Natal (que, aliás, estão pipocando esse ano. Adoro!), tudo de lá é lindo, bem feito e mimosamente criado para nós. Eu, infelizmente, não tenho nenhum produto... Mas de tanto olhar babando, não tem por onde correr.

E como 2011 tá aí dobrando a esquina, e como eu sou muito otimista e espero do fundo do meu coração ganhar 365 dias de Alice Disse, que tal um post de como será o ano que vem? Vamos lá:



Curtir as férias de Janeiro, indo para a praia e aproveitando o sol.











Em fevereiro, comemorar o meu aniversário, com direito a confeito e doçuras dos pés à cabeça!










Em Março, visitar mais uma vez Buenos Aires e comprar mimos para o ano todo.












Abril começa logo após a comemoração de 5 anos de namoro, uma data cheia de amor.

Sapatilha Velvet Rosé









No mês de Maio, ser levada para a loucura da minha faculdade, cuidando de mim mesma para me manter sã.


Sapatilha Cupcake Verde e Mochila Elefantes Cinza













Em Junho, assistir ao último filme do Harry Potter! Mal posso esperar :~
Sapatilha Florezinhas











Em Julho, tirar o melhor proveito do que o ócio tem a oferecer.











Em Agosto, desejar mais uma vez estar de férias...









Setembro se aproximará (sem a minha coruja de Hogwarts, infelizmente) e, com ele, a minha vontade de ilustrar.









Outubro é uma data esperada, para curtir os shows e festivais da cidade (e fora dela) com muito pique!










Novembro será a correria de sempre, e o mundo terá uma designer de moda!
Sapatilha Melindrosa Rubi













E em Dezembro 2011 chegará ao seu fim, e nós esperaremos um 2012 de muito Pudding! Hahaha!


Uma das minhas metas este ano era, justamente, voltar a postar no blog com frequencia. Ok, o conceito de frequencia é muito maleável, mas considero essa uma das minhas metas cumpridas! Então é justo prometer que ano que vem, o Pudding continuará aqui :)

E vocês, que ainda não fizeram as suas metas, não custa nada se jogar do sorteio/concurso/promoção/alegria da Alice Disse e também concorrer a 365 dias (futuros) de fofura!

Criando Moda - Parte Final

Ou um post com várias fotos.
Dia 02/12 (que, num momento de loucura extrema, eu acabei inventando 300 datas diferentes ao longo de dois posts) aconteceu o I Fashion Art Preview. Eu já estava exausta e pedindo penico do meu semestre, porque em toda a minha vida acadêmica fiz 8 cadeiras por semestre e sempre levei numa boa, com meu IRA nas alturas. Mas, neste último, fiz 5 e quase morri. Sério.

Bom, o dia do desfile! Cheguei lá 13h, e eu e as minhas amigas que estávamos organizando começamos a arrumar tudo = trabalho braçal. Levar todas as cadeiras, arrumar o backstage, ajeitar o tapete, distribuir tudo, mudar mesas de lugar, carregar coisas. Enfim. Foi um dia corrido, bizarro, cheio e estressante. A todo segundo eu ia na sala da maquiagem/do cabelo verificar se as minhas modelos tinham sido maquiadas... E elas não tinham. No fim das contas, tive que vesti-las as pressas porque o desfile da outra cadeira (foram 2 desfiles) já tinha começado :O

Pra você ver o estress. MAS enfim, ACABOU!
Vamos às fotos:

Na prova de roupa, tudo ainda sem botões e sem tules. Provei a Glenda aqui em casa (e com sorte a jaqueta coube perfeitamente nela, que é tão pequenininha), e fui com a Carla na faculdade provar o vestido. Que, também, coube como uma luva! Por sorte... Não tinha nem estrutura emocional para fazer ajustes complicados!





No backstage, assim que eu acabei de vesti-las (em cima da hora)...


As duas se divertindo enquanto eu pirava e o meu coração queria sair pela minha boca... Nunca senti tanto nervosismo, e nunca fiquei tão ansiosa na minha vida. E eu nem estava olhando quando elas entraram na passarela.


No grande momento!
Todos os criadores entraram depois, e andar pela passarela batendo palmas e sendo aplaudida foi uma sensação indescritível. Passei 3 anos na faculdade para vivenciar esse momento, ter esse frio na barriga, e ver a sua criação ser apreciada por outros é muito bom. Afinal, ficamos na nossa faculdade gastando rios de dinheiro em gráficas e... Ninguém nunca vê o resultado. De fato, foi um crescimento profissional gigantesco, e eu começo a me perguntar se não quero ser estilista mesmo, hahaha.

Mas acho que não.
Só o tempo dirá! :D

E é isso! Espero que vocês tenham gostado de descobrir o que a gente faz dia e noite naquela faculdade absurda. É um trabalho exaustivo (e o pior, a gente nem vê o desfile! Só por foto!), mas muito compensador.

E, por fim, uma lontrinha para alegrar as minhas férias:



25 anos. Mora no Rio de Janeiro, é carioca de alma, mas cearense de coração. É designer e está tentando se encontrar nesse mundo. Sou casada com meu melhor amigo, o Marcelo Bernardo, e mãe da Dindi the Boston.

Gosto de ler, de dormir de rede, de inspirações repentinas e de petit gateau. Mas o mundo seria muito melhor sem aliche gente que fura fila. Ah, e de vez em quando eu desenho.

Autora


Welcome

Tecnologia do Blogger.

Procura algo?






Esse blog está vestido com as roupas e as armas de Jorge, porque ninguém há de copiar esses textos e ilustrações sem dar o devido crédito.